Segurança

seguranca-150x150Qual a melhor forma de se armazenar prontuários de forma realmente segura? Qual o sigilo oferecido comumente nos prontuários em papel? Como preservar os dados informatizados caso ocorra furto ou roubo de computadores?

Em relação aos prontuários em papel é muito comum se abrir mão da segurança e sigilo deixando disponível o acesso aos arquivos para todos os membros da instituição ou então de se dificultar e burocratizar o acesso a informação através de solicitações por escrito, deslocamento de funcionários ou outras regras. O que normalmente ocorre é que é tão difícil ter acesso à informação que esta se torna apenas arquivo morto e é realizada para evitar problemas durante eventuais fiscalizações.

Já em relação a prontuários eletrônicos armazenados localmente sempre existe o risco de mal funcionamento, falha, roubo ou furto do equipamento, o que não é incomum de acontecer em clínicas e escritórios de psicologia.

Além de arriscado, inseguro e pouco ético, tais procedimentos podem gerar custos extras e perda de produtividade.

Como o GestorPsi funciona via Web, o extravio de computadores não representa um problema pois nenhuma informação fica registrada no computador local. Além disso possui um sistema de permissões de acesso que permite manter os dados sigilosos resguardados em relação a pessoas e funcionários que não tem direitos de acessá-los.

O sistema também conta com diversos recursos tecnológicos para impedir acesso de pessoas externas não autorizadas e uma estrutura de hardware e backup para garantir que falhas técnicas não prejudiquem o acesso ao GestorPsi.